Seja Ecoturismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Trilha do Visgueiro, zona rural de Maragogi, Alagoas

O Ecoturismo é o segmento da atividade turística que utiliza, de forma sustentável, o patrimônio natural e cultural, incentiva sua conservação e busca a formação de uma consciência ambientalista por meio da interpretação do ambiente, promovendo o bem-estar das populações. Este ramo do turismo é caracterizado pelo contato com ambientes naturais, pela realização de atividades que promovam a vivência e o conhecimento da natureza e pela proteção das áreas onde ocorre. Isto é, ele está fundado nos conceitos de educação, conservação e sustentabilidade. Podendo ser entendido, então, como as atividades turísticas baseadas na relação sustentável com a natureza, comprometidas com a conservação e a educação ambiental. Outros termos associados ao ecoturismo são: turismo de aventura, turismo de contemplação, turismo cultural, turismo ambiental ou alternativo, turismo rural, turismo de natureza, selva ou verde e até mesmo turismo antropológico ou étnico.

Com uma rotina muito agitada e de estresse em regiões urbanas, os turistas procuram cada vez mais por atividades em meio à natureza para que possam recarregar suas energias de forma mais leve e tranquila. O verde das matas e o azul das águas transmitem uma sensação de paz e tranquilidade e experiências incríveis com um grande aprendizado. Normalmente praticado em áreas protegidas, o ecoturismo faz com que os turistas cumpram um conjunto de regras predefinidas com o intuito de conservação dos ecossistemas no seu estado natural, da sua vida selvagem e da sua população nativa.

Entretanto, a atividade de ecoturismo no Brasil ainda necessita de muita atenção. Segundo um estudo publicado pela consultoria do mercado de hotelaria espanhol “Chias Marketing”, o Brasil ainda não aproveita todo o potencial ecoturístico que possui e a maioria dos hotéis e resorts que se dizem sustentáveis têm suas ações limitadas à reciclagem do lixo e outras ações esporádicas. Ainda segundo a pesquisa, 0.01% dos meios de hospedagem possui a certificação ISO14001. E não é por falta de interesse dos turistas. Outra pesquisa feita por uma consultoria francesa, a TNS Sofres, concluiu que 69% dos turistas europeus estão dispostos a pagar até 30% a mais para contribuir com a preservação do local visitado.

Apesar dos impactos serem inevitáveis, a partir do momento em que o ser humano, seja de que maneira for, intervém num habitat natural, o Ecoturismo é uma atividade que procura valorizar as premissas ambientais, sociais, culturais e econômicas e inclui a interpretação ambiental como um fator importante durante a experiência turística. Se bem planejado e desenvolvido, pode trazer às populações locais benefícios amplos, como oportunidades de diversificação e consolidação econômica, geração de empregos, conservação ambiental, valorização da cultura, conservação e/ou recuperação do patrimônio histórico e a recuperação da autoestima.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também