Poesia nordestina e música são os atrativos de lives de alunos do Ifal

“Cuscuz com café - Nordeste em prosa” e “Luz, música, ação” vão agitar as redes sociais na próxima semana, no campus Maragogi
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Duas lives culturais prometem agitar as redes sociais de alunos do Instituto Federal de Alagoas, campus Maragogi, na quinta-feira e sexta-feira (14 e 15).  Isso é o que prometem  “Cuscuz com café – Nordeste em prosa” e “Luz, música, ação”. A primeira vai despertar no público o sabor da cultura e dos costumes nordestinos e a segunda quer levar conhecimento sobre música,  sucessos do rádio e plataformas digitais para quem estiver acompanhando o bate-papo.

“Cuscuz com café – Nordeste em prosa” vai rolar a partir das 18h, da quinta-feira (14), na conta @nordesteemprosa_. A live vai juntar versos e música nordestina. “A poesia exerce um grande papel na cultura nordestina e o nosso objetivo é mostrá-la, induzindo os espectadores a se interessarem pelos movimentos do Nordeste”, explicou Kessya Jacira Silva. As atrações são os professores Artemísia Sores e Cleidson Jambo.

Com 40 pessoas na organização, “Nordeste em prosa” está nos preparativos finais para a realização do evento. Segundo Kessya, tudo está sendo executado conforme o planejado pela equipe. “Está tudo super bem. A previsão é de um bom cuscuz recheado e um café bem quentinho”, brinca a organizadora.  Para fechar o encontro, o músico de Porto Calvo, Getúlio Santana, vai cantar o que há de melhor das canções nordestinas.

“É ouvindo que se aprende um pouco de música”

As cortinas se abrem para “Luz, câmera, ação”, na conta @luzmusicaacao, na sexta-feira (15), às 20h. Com o slogan “é ouvindo que se aprende”, a live será dividida em três momentos. O primeiro é levar diversão e conhecimento a quem estiver presente no evento e o segundo é debater as dificuldades enfrentadas por músicos na pandemia. O terceiro é a parte das brincadeiras com temas musicais.

“Escolhemos música porque todos sabem falar um pouco e teria de ser algo que chamasse a atenção das pessoas”, disse Krisllayne Vitória Santos Nascimento, do 2° ano do curso de Hospedagem. Ela conta que esse é também um momento de aprendizado para os organizadores, pois é a primeira vez que a turma faz algo do tipo. “Estamos tirando ideias até do programa da Fátima Bernardes. Ela senta com convidados, batem um papo e conversam coisas importantes ao som de música”, completou.

Sexta-feira será a vez da apresentação musicial

Bartolomeu Honorato / Assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.