Preço da gasolina pode cair em AL após decreto do governador

Governador Paulo Dantas assinou autorização para redução da alíquota do ICMS sobre combustíveis
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Nessa sexta-feira (01/07), o governador de Alagoas, Paulo Dantas (MDB), assinou decreto que autoriza a redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) em Alagoas incidente sobre os combustíveis, gás natural, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo.

Independente de repercussões políticas ou jurídicas, o governo de Alagoas publica na edição do Diário Oficial do Estado de Alagoas da próxima segunda-feira (04/07) decreto que estabelece como teto a alíquota de 17% sobre os combustíveis – a mesma cobrada sobre produtos e serviços considerados essenciais.

No caso da gasolina, a alíquota efetiva em Alagoas vai cair 29% (27% de ICMS e 2% de Fecoep) para 17%.

Para entender como a mudança vai afetar o preço dos combustíveis será preciso usar mais do que a calculadora.

O valor médio da gasolina em Alagoas até o começo desta semana era de R$ 7,13, mas o imposto vem sendo cobrado, há 9 meses sobre um valor menor.

A base de cálculo, o valor sobre o qual o ICMS é cobrado, está congelada em Alagoas desde outubro de 2021 em R$ 6,0151 por litro. Nesse caso, o imposto (29%) atual é de R$ 1,742. Com a nova alíquota (17%), a partir de segunda-feira, o imposto cairia para R$ 1,021.

A queda, no entanto, será maior. De acordo com estimativa da Secretaria da Fazenda de Alagoas, a base de cálculo, em função da nova legislação será menor do que o valor “congelado”. O novo teto para cobrança do ICMS passa a ser de R$ 4,902. Com isso, o valor efetivo do ICMS a ser cobrado cairá para R$ 0,833 por litro, uma redução de mais de 50% no valor efetivo do imposto cobrado em Alagoas.

Se o valor da redução do ICMS for repassado integralmente para o consumidor, o preço final deve cair em cerca de R$ 0,90 por litro. A conferir.

Nas bombas

O repasse da queda do ICMS para os preços finais, cobrados pelo consumidor, vai depender dos distribuidores e revendedores.

Desde o início da semana, no entanto, os preços da gasolina começaram a cair em Alagoas. De acordo com a Secretaria da Fazenda, a redução, ocorreu em função da redução da base de cálculo da cobrança do ICMS do combustível (nova base de cálculo).

Após as medidas adotadas pela Sefaz-AL, de redução da base de cálculo e do anúncio da redução do ICMS, os preços da gasolina começaram a cair em vários postos de Maceió. Na capital, combustível foi comercializado por R$ 6,55 em vários postos nesta sexta-feira, 1o de julho, de acordo com o site Economiza Alagoas. No site é possível encontrar os revendedores onde o combustível está sendo comercializado com menor preço.

Faça a sua pesquisa acessando aqui o link do Economiza Alagoas.

Veja a legislação:

LEI COMPLEMENTAR Nº 194, DE 23 DE JUNHO DE 2022

LEI COMPLEMENTAR Nº 192, 11 DE MARÇO DE 2022

Blog do Edivaldo Júnior

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.