Governador interino vistoria obras do Aeroporto Costa dos Corais, em Maragogi

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Na manhã dessa quarta-feira (08), o governador em exercício do Estado de Alagoas, Klever Loureiro, presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL), visitou as obras do aeroporto Costa dos Corais, localizado em uma área da Fazenda Calabouço, no município de Maragogi, Litoral Norte de Alagoas. O prazo de previsão para entrega da obra é no início de 2023.

O intuito da visita de Klever Loureiro foi vistoriar e fiscalizar o andamento da construção do aeroporto. O desembargador ficou satisfeito com a evolução das obras na cidade litorânea, que, inicialmente, alguns canais midiáticos espalharam boatos de que havia tido paralisação no começo da construção, fake negado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

A construção do Aeroporto Costa dos Corais será feita totalmente com recursos próprios do tesouro estadual, orçada em cerca de R$ 120 milhões. Segundo Klever Loureiro, a proposta principal dessa grande obra é alavancar ainda mais o turismo de Maragogi, que atualmente já é o segundo polo turístico de Alagoas, perdendo apenas para a capital Maceió. Maragogi está entre os municípios que não possuem aeroporto e mais recebem turistas.

Além disso, o governador interino acredita que a finalização das obras irá movimentar a economia do município e do estado vizinho, Pernambuco, por Maragogi ser um município limítrofe com a cidade pernambucana de São José da Coroa Grande, gerando com isso, mais companhias áreas, aumento de empregos, renda e turistas.

O Aeroporto Costa dos Corais contará com um terminal de embarque e desembarque de passageiros, pista de pouso e decolagem de 2.200 metros de extensão, além de um pátio para abrigar duas aeronaves, simultaneamente, situados numa área de 340.888 hectares, segundo estudo topográfico. A área total do empreendimento é de 340 hectares.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.